(31) 3899-1840contato@alimentosjunior.com.br

AJC+

Home / AJC+
  • "Um dos maiores desafios de um pós-júnior é descrever, com poucas palavras, o que foi a passagem pela Alimentos Júnior, se é que podemos chamar de passagem aquilo que se torna uma vida, uma paixão, uma descoberta e um novo caminho que se abre. A AJC cumpre fielmente com o seu principal papel enquanto Empresa Júnior, o de transformar pessoas. Entramos como universitários e saímos empreendedores, pessoas capacitadas pela vivência empresarial e que pensam de uma forma diferente. Ganhamos um diferencial competitivo inigualável. Todas as nossas conquistas, ao longo dos meus 3 anos de AJC, foram frutos da dedicação de todos os membros que abraçaram a nossa causa, a nossa missão. O nosso maior legado sempre será a criação de uma AJC forte, que respeita suas partes interessadas e que é capaz de se transformar a cada dia. Me orgulho muito de ter escrito essa história e, para sempre, a paixão e a gratidão estarão comigo, onde quer que eu esteja. Seria um egoísmo dedicar esse texto para falar daquilo que eu fui ou fiz ao invés de expressar o tamanho do meu sentimento para com essa Empresa. Jamais me esquecerei da Alimentos Júnior e de tudo que vivi nesses 3 anos. Obrigado por tudo, AJC!"
     

    Lucas Melo
    Lucas MeloAssessor Comercial 2013/1, Diretor de Marketing 2013/2, 2013/3, 2014/1, Diretor Presidente 2014/2, 2015/1 e Conselheiro de Orientação 2015/2
  • "O despertar para a vida profissional”: este é o argumento que define bem a grandeza da oportunidade de ingressar na Alimentos Júnior Consultoria e participar do MEJ. Não consigo imaginar algo melhor para um universitário que queira se envolver com um mundo empreendedor dinâmico e iniciar uma carreira na área de gestão de alto nível. Hoje, todos os profissionais têm de ser gestores e, para isso, precisam conhecer e lidar com diferentes ferramentas e tecnologias de gestão para otimizar suas tarefas e resultados, buscando a melhor performance para a organização em que trabalha. Isso é fazer a diferença. A Alimentos Júnior Consultoria recebe você de braços abertos e coloca em suas mãos a estrutura necessária para você despertar para o universo da gestão, descobrir qual perfil profissional está alinhado a você e o que será necessário para desenvolver este perfil, buscando sempre absorver conhecimento, gerenciar responsabilidades e agregar valores. Posso dizer, com todas as letras, que a AJC trouxe isso e muito mais para mim. A AJC e o MEJ oferecem a oportunidade perfeita e acessível para que um universitário possa construir sua base profissional de forma dinâmica e qualificada em conjunto com os conhecimentos técnicos de sua graduação. Foi um grande prazer, para mim, ir além da sala de aula e ser um empresário júnior ativo que fez de sua vida acadêmica algo muito mais especial e intenso do que as cadeiras da sala de aula. Aprender a negociar, desenvolver novas ferramentas de gestão, ocupar o tempo com várias oportunidades de melhora e inovação, participar do conteúdo empresarial, acompanhar planejamentos estratégicos, absorver a multiplicidade de conhecimento que o benchmarking do MEJ nos oferece, atuar em conjunto com profissionais que são, ao mesmo tempo, amigos e parceiros, adquirir experiência, ampliar vocabulário, conhecer outras vertentes de trabalho, integrar uma irmandade que leva resultado para o mercado e que faz de você um membro especial da estrutura de gestão, são algumas das várias experiências que eu tive e poderia listar sobre minha passagem por uma das melhores empresas juniores do país. De fato, eu senti esta grandeza na pele e pude encontrar em mim a motivação e proatividade que me fizeram conhecer o gosto inesquecível de trabalhar por paixão. A AJC significou e significa para mim muito mais do que meu diploma de Engenheiro de Alimentos. Afinal, grande parte do conhecimento gerencial, da potencialidade profissional e da visão de mercado e oportunidade que tenho foi a AJC que mostrou a mim, para construir a base profissional que todo universitário necessita ter após formado. “O despertar para a vida profissional”. Permita-se sair da inércia e abrir os olhos para um mundo completamente novo e promissor que fará você ampliar seu horizonte e enxergar a vida e seu futuro por um outro ponto de vista que se mostra amplo e espetacular. Tenho orgulho de pertencer à família AJC. Hoje sou pós júnior. As pessoas vão, as gestões mudam, mas a instituição fica e será eterna. Foi sensacional entrar na sede em nov/2015 e ver o quanto que esta Empresa evoluiu e está determinada a evoluir mais, que vários sonhos foram conquistados e outras conquistas mais estão por vir. De fato, vi na prática o significado da palavra “legado”. A AJC é um legado, passado de geração em geração na Engenharia de Alimentos, que prova, na prática, o grande potencial intelectual e profissional que os universitários da UFV têm dentro deles. Uma vez dentro da família AJC, seu DNA jamais será o mesmo e é com imensa gratidão que levo a marca AJC no meu DNA. Obrigado por tudo família AJC. Pra onde quer que eu vá, levarei esta Empresa comigo sempre.

    Mayron Marcel  Martins Silva
    Mayron Marcel Martins SilvaGerente de projetos 2011/1 e 2011/2
  • "É uma pena que ainda não são todas as pessoas que sabem o que é e o que representa o Movimento Empresa Júnior. Quando vi pela primeira vez uma palestra na Universidade referente à Alimentos Júnior, suspeitei que essa era mais uma daquelas atividades complementares que poderiam, de alguma forma, enriquecer o meu currículo. Não ciente exatamente do que se tratava, fui instigado a participar do processo seletivo no ano de 2014. Acredito que não existem palavras para descrever meus sentimentos ao conhecer pessoas tão fantásticas que trabalhavam na Empresa (e as que hoje trabalham também o são, sem dúvidas) e como o trabalho que exerci começou a mudar minha maneira de ver o mundo. Além da oportunidade de conhecer essas pessoas maravilhosas, que hoje fazem parte da minha história, pude aprender diversas coisas que não eram aprendidas na Graduação, coisas essas que, no fim, servem para nos capacitar, nos tornar pessoas melhores, levar à realização de projetos de qualidade para a sociedade e, por fim, com o auxílio de tudo isso, formar um Brasil melhor.

    É com o sentimento de dever cumprido e de muito amor e carinho que deixo a Alimentos Júnior. Apesar das dificuldades que enfrentamos, o crescimento e o aprendizado de vida que obtemos jamais nos serão tirados. O que fica agora é o dom do conhecimento adquirido e o sentimento de que todos que trabalham hoje possam ter muito sucesso na jornada pessoal e, junto a isso, contribuam para o desenvolvimento dessa Empresa espetacular que faz parte de um Movimento que é capaz de mudar vidas, assim como mudou a minha.

    Muito obrigado AJC, amigos e companheiros de trabalho! Muito sucesso, e contem com esse pós-junior sempre!"

    Carlos Henrique Junqueira
    Carlos Henrique JunqueiraAssessor de qualidade em projetos 2014/1 e 2014/2 e Diretor Vice-Presidente 2015/1
  • "Chega um momento que os sonhos devem sair do papel e se tornar realidade! Foi assim que decidi entrar para a Alimentos Júnior Consultoria, a vontade de aprender mais sobre gestão, de explorar meus pontos fortes e descobrir os fracos, trabalhando sempre para melhorar. Participar da Empresa foi fundamental para o meu desenvolvimento, pessoalmente falando aprendi a trabalhar com pessoas com visão e valores diferentes dos meus, mas que no fim percebi que todos estavam apimentando do seu jeito, aprendi que 1 + 1 > 2, ganhei amigos e aprendi a ver amigos de curso como excelentes profissionais. Olhando para o lado profissional, meu desenvolvimento como marqueteiro, aprendendo a negociar, a trabalhar com todo tipo de cliente foi excelente. Não é possível dimensionar o quanto aprendi e o quanto adorei trabalhar na AJC durante essas gestões, porém posso dizer que assim como nós deixamos o nosso apimentar na empresa, ela também deixa esse toque de “pimenta” em nós."

    Matheus Gama
    Matheus GamaAssessor comercial 2014-2 e 2015-1
  • "Decidi me inscrever no processo seletivo da Empresa Júnior para melhorar minha formação profissional e poder aplicar os conhecimentos teóricos que aprendemos durante o curso. Por isso escolhi a diretoria de projetos, pois alinhava o que eu precisava com o que eu poderia oferecer.
    Não haveria escolha melhor que essa. Como foi bom, importante, gratificante para mim esse 1 ano como Gerente de Projetos. Os que já me conheciam antes da empresa júnior sabem como foi importante para mim passar por essa experiência. Aprendi a entender, ser mais paciente.
    A Alimentos Júnior me propôs desafios, quantos desafios, mas estes só me fizeram crescer e querer mais!!
    Só tenho a agradecer por tudo que a Alimentos Júnior me ofereceu, tenho muito orgulho de fazer parte dessa família AJC."
    Bianca Archette
    Bianca ArchetteGerente de Projetos 2014/2 e 2015/1
  • Cinco anos de Engenharia de Alimentos e dois anos e seis meses de Alimentos Júnior, não consigo imaginar uma coisa sem outra, são duas escolas que foram indispensáveis para a minha formação profissional como futura engenheira de alimentos, mas, principalmente, para a formação da pessoa Nayara. Entrei na Alimentos Júnior no início de 2013 e desde o começo os desafios eram inúmeros. Acredito que é isso que faz com que o Movimento Empresa Júnior seja tão encantador: desafios! Tudo acontece de forma tão rápida e tão intensa, que não há chances de você não ser impactado. Aprendi a conversar com clientes, a lidar com as diferenças, mesmo que pequenas, que existem entre as pessoas, aprendi o que é estratégia e gestão empresarial, e o quanto esse universo é mágico! Desenvolvi a minha liderança como Diretora e a postura que se deve ter ao expressar sua opinião em diferentes situações. Descobri que para empreender basta querer fazer e que por mais ínfimo que sejam as suas ações, elas impactarão a vida de alguém. Agora, mesmo não fazendo parte do corpo executivo mais, há muito o que fazer por esse Movimento ainda. Graças as experiências e todo o aprendizado que tive na AJC, continuarei o meu papel de empresário júnior na Federação das Empresas Juniores do Estado de Minas, a FEJEMG. É hora de impactar uma rede ainda maior e mostrar porque o valor apimentar nos torna tão diferenciados! Hoje também, há poucos passos do mercado sênior, confesso que um friozinho na barriga se faz presente frequentemente. Porém, ele só não é mais intenso devido a oportunidade de ter vivenciado, ainda na graduação, o que um engenheiro de alimentos faz. Sou imensamente grata por fazer parte dessa história, por fazer parte dessa família AJC!

    Nayara Fontes
    Nayara FontesAssessora de Qualidade em Projetos 2013-2 e 2013-3 Diretora de Qualidade 2014-1 e 2014-2 Conselheira de Implementação 2015-1
  • Pós júnior, assim tão rápido? É, a vida é estrada mesmo, em alguns momentos estamos em uma daquelas subida bem íngremes, vamos de primeira e o tempo é vagaroso ao passar, as vezes pegamos uma reta e deixamos a quarta ou a quinta marchas correrem soltas. Bom, seja como for, mesmo sabendo disso eu sempre me surpreendo com a rapidez com que as coisas vão e vem. Um dia eu era caloura, colocava meus pés na reta a primeira vez e me apaixonava (como ainda me apaixono) pelo reflexo do sol na lagoa. Daqui a pouquinho já estava no quarto período, me sentindo pronta para o mercado de trabalho, uma doce ilusão, e indo finalmente realizar meu sonho de ser Alimentos Júnior. Oh trem para fazer meus olhinhos brilharem, nunca consegui definir qual é o ímã que nos atrai para esse tal de MEJ, mas o fato é, somos sugados e não conseguimos resistir. O pior de tudo, na realidade nós somos infectados e é para a vida toda. Eu mesma, entrei meio quieta, desconfiada, tratando a AJC como uma atividade complementar, e assim, bem rapidinho, essa tal de empresa júnior tomou meu coração. Se tornou o motivo da maioria dos meus esforços, me colocou para trabalhar muito, horas a fio, adentrando madrugadas e até finais de semana, quase todos, se não todos. O mais engraçado é ver como eu fiz isso tudo com gosto, as vezes muito cansada, de saco cheio, mas sei lá, bem no fundo acreditando que nossos pequenos passinhos, nossas mudanças de atitudes e nossos anseios iriam e vão mudar algumas e quem sabe muitas coisas. Primeiro a nós, depois nossas famílias, amigos, cidades, estados e país, quem sabe o mundo!
    Bom, chega o dia de ser pós-júnior, de seguir por outros caminhos, mas aquilo que foi construído e semeado está colocado na essência da gente, não tem como abandonar nem esquecer. O jeitinho inquieto, o trabalho de formiguinha e a vontade de ser melhor e fazer tudo a nossa volta melhor vai comigo e sei que isso muitas vezes vai me servir de motivo para levantar diante das quedas e desafios que estão por vir.
    Um grande abraço AJC e a todos os amigos que já foram e os que ainda irão se deixar transformar por esse movimento e por essa empresa!
    Fiquem com Deus e façam muito sucesso, errem e acertem e não tenham medo de se jogarem!
     Pâmella Maria Gouvêia de Sousa
    Pâmella Maria Gouvêia de SousaGerente de projetos 2015-1
  • "Fazer parte do Movimento Empresa Júnior e da Alimentos Júnior foi muito gratificante para mim. Ter trabalhado com gestão de pessoas e estratégia e indiretamente com muitas outras áreas, como gestão da qualidade e de projetos, me fez adquirir uma visão sistêmica do nosso papel como Engenheiro de Alimentos. A oportunidade de liderar pessoas e desenvolver talentos ainda na graduação faz com que as pessoas descubram que elas podem ser agentes de transformação da sociedade. Todos os dias nós desenvolvemos empreendedores diferenciados e socialmente responsáveis, capazes de tornar o Brasil um país mais empreendedor. Carregarei para sempre a pimenta tatuada no peito e no coração. Tenho muito orgulho de dizer que fiz parte da Família AJC e torço sempre pelo sucesso da empresa. Termino com a seguinte frase da Brasil Júnior, Confederação Brasileira de Empresas Juniores, que mostra o enorme potencial que temos em mãos: "Ser júnior é ser gigante pela própria natureza".
    Jean Carrara
    Jean CarraraAssessor de Gente e Gestão 2013-1 / Diretor de Gestão de Pessoas 2013-2 e 2013-3 / Diretor Presidente 2014-1
  • "Participando da Alimentos Júnior Consultoria, adquiri experiencias das quais jamais poderia imaginar. Tive a oportunidade de atuar em diferentes áreas e posso dizer que cada uma me acrescentou de maneiras diferentes e complementares. Aprendi a contornar problemas lidando com diferentes situações e a me controlar mais, me conheci mais como pessoa , aprendi na pratica como lidar com diferentes pessoas e ideias e tudo isso me fez aprender a trabalhar melhor em equipe buscando um objetivo em comum, sem contar o conhecimento na área de gestão empresarial e negócios, um aprendizado que com certeza facilitou meu entendimento perante o curso na UFV e que me engrandeceram muito como profissional e pessoa. É muito bom saber que seu trabalho deixou algo na historia da empresa, porque com certeza a empresa deixa uma marca muito forte nas pessoas que trabalham/trabalharam lá."

    Clara Rabelo
    Clara RabeloEx-Membro AJC
  • "Ter feito parte da familia AJC foi a melhor escolha que eu fiz durante minha graduação. Liderar um time de juniores que assumem responsabilidades de gigantes é com certeza um grande aprendizado. Durante dois anos de vivência empresarial pude desenvolver habilidades técnicas, competências emocionais e um enorme aprendizado por gestão. Como resultado, me tornei um empreendedor. Levarei a pimenta para sempre comigo! Sinto orgulho de vocês que estão chegando, e estejam certos de que vocês são o maior ativo da Alimentos Junior Consultoria."

    Fabricio Barbosa de Lima
    Fabricio Barbosa de LimaDiretor Presidente 2013 / Coordenador de Gestão da Brasil Júnior 2014
  • "Nesse tempo de graduação, foram poucos os momentos em que eu não estive envolvido com algo relacionado à Alimentos Júnior. Logo de início, tive uma experiência surreal como Consultor Júnior, auxiliando na execução de um projeto de desenvolvimento de formulações de produtos cárneos e de layout para um frigorífico. Na sequência, quando fui efetivado como membro, atuei como Diretor de Marketing. Era um dos membros mais novos na equipe, mas fui muito bem acolhido por pessoas que me mostraram que se eu trabalhasse firmemente e acreditasse na possibilidade de mudança, seria possível aprimorar a gestão da empresa. E não foi diferente. Aos poucos, fomos nos posicionando melhor e hoje temos uma EJ que se relaciona de forma muito mais proveitosa com seus stakeholders, procurando atender cada vez mais aos seus objetivos e às expectativas de suas partes interessadas. Adiante, assumi a Diretoria Vice-Presidência e pude desenvolver ainda mais minhas habilidades de liderança, visão sistêmica e relacionamento interpessoal. Com uma equipe cheia de garra, revitalizamos a gestão estratégica, lançamos uma marca construída com base em nossa real identidade, propusemos, viabilizamos e implementamos um organograma completamente novo, que alinhava diversas competências organizacionais ao objetivo da empresa, dentre outras ações que exigiram muito comprometimento, perseverança e força de vontade. Houve muitos percalços e desafios, que só foram superados pela determinação de um grupo que acreditava na transformação e na sua capacidade de inovar. Ao longo da última gestão, atuei como Conselheiro de Orientação da Vice-Presidência e busquei compartilhar tudo o que havia assimilado, prezando por uma tomada de decisão cada vez mais assertiva quanto à negócios, relacionamento institucional e eventos e ainda em assuntos gerais, quando era contatado. O aprendizado obtido pela atuação nas instâncias do MEJ, pela presença nos eventos regionais e nacionais, pelo contato com pessoas do curso e das mais diferentes áreas e pela entrega à EJ, foi sem igual. Só tenho a agradecer pelos momentos que vivi na empresa e pelas oportunidades que ela me proporcionou."

    Luiz Gustavo dos Santos
    Luiz Gustavo dos SantosEx-Membro AJC
  • "Meu nome é Mateus Moratorio, atualmente pós-júnior da Alimentos Júnior Consultoria. Ingressei na empresa em 2011 e permaneci até agosto de 2013. Tive 3 cargos nesse período: Gerente de Recursos Humanos, Diretor de Gestão de Pessoas e Conselheiro de Orientação. Ter optado por uma imersão completa ao Movimento Empresa Júnior me deu a oportunidade de paralelamente a empresa fazer parte do Núcleo de Empresas Juniores da UFV – CEEMPRE e da Confederação Brasileiras de Empresas Juniores - Brasil Júnior, participar de eventos/capacitações, ações filantrópicas, de RSE e de dar capacitações para pequenos e grandes públicos. Foram quase dois anos de experiências significativas e que, em síntese, foi um “divisor de águas” na minha vida. Desde a gerência de RH até o conselho, eu sempre aprendi, a cada dia, dar mais valor ao meu trabalho, ao trabalho do outro, ao trabalho do grupo. Cada dia era um desafio, era uma coisa nova que surgia, um problema nunca previsto, mas o espírito de equipe e o brilho no olho eram tão fortes que todo desafio era dignamente enfrentado. A empresa capacitou-me, me preparou, me amadureceu, me deixou com olhar mais crítico, mais forte. Deu-me a capacidade de pensar fora da caixa, de me conhecer, de saber o meu propósito e meu valor. Foram muitos encontros, reuniões, decisões (mais difíceis do que fáceis!) confraternizações (leia-se: muita integração!), aprendizado e amizades (verdadeiras, diga-se de passagem). Aprendi que tempo somos nós quem fazemos, mudanças nós enfrentamos e para os problemas, nós sempre criamos soluções. Hoje escrevo saudosista ao lembrar da minha passagem pela AJC, mas ao mesmo tempo, esperançoso e feliz por saber que novos estudantes de Engenharia de Alimentos terão a oportunidade de ingressar na nossa empresa e se tornarem melhores pessoas e profissionais. Identifico-me muito com uma frase de Confúcio e ela resume a minha “história de amor pela AJC." “Escolha um trabalho que você ame e não terás que trabalhar um único dia em sua vida” Confúcio"

    Matheus Moratório
    Matheus MoratórioEx-Membro AJC
Contato

Nós não estamos por aqui no momento. Mas você pode nos enviar um e-mail e nós vamos te responder o mais rápido possível.